Dr. Rath Health Foundation

Responsibility for a healthy world

Erradicaçao natural do cancro

Todas as células humanas estao envolvidas por fibras de colagénio e tecido conjuntivo. Para que elas cresçam e expandem, as células boas necessitamm de partir esta barreira extra-celular que as confina. Este processo é essencial para a vida por uma razao, as células produzem e secretam várias enzimas que digerem as componentes do tecido conjuntivo, incluindo o colagénio e a elastina.

Ler mais sobre a saúde celular

É importante que estas enzimas, chamadas de matriz metalloproteinase ou MMPs, sejam reguladas por conjuntos de reguladores e inibidores para que a integridade do tecido conjuntivo nunca seja comprometida.

A excessiva desintegraçao do tecido conjuntivo acompanha a patologia, e quando esta desintegraçao acontece, as células cancerosas infectantes (micróbios e vírus) podem invadir os tecidos. Em casos extremos tais como o cancro, a excessiva produçao de enzimas digestivas e a desintegraçao da barreira de colagénio e tecido conjuntivo pelas células cancerosas torna-se no mecanismo mais perigoso que estas células malignas usam para invadir e violentar as nossas células, replicando-se dentro delas e disseminando pelo corpo todo a partir daí infectando todos os órgaos que puderem atingir.

No seu livro Série da Saúde celular "Cancro", o Dr. Rath documenta a sua descoberta científica de que certos nutrientes, incluindo a L-lisina, é um poderoso aliado natural inibidor das enzimas digestivas do colagénio. Esta descoberta colocou o Dr. Matthias Rath no caminho para a derrota desta doença devastadora.

A disseminaçao do cancro pode ser controlada

No laboratório do Dr. Matthias Rath os cientistas conduziram uma pesquisa com células vivas para fornecer respostas para as várias perguntas científicas. Logo que foi compreendido o mecanismo por que as células criam metástases, havia só uma pergunta crítica que os cientistas do Instituto Dr. Matthias Rath procuraram responder: Como poderiam eles inibir naturalmente a invasao das células cancerígenas através do colagénio e do tecido conjuntivo de uma forma que realçasse a capacidade do corpo para este lutar com a doença?

Na procura desta resposta, os investigadores designaram um experimento para poderem investigar primeiro a capacidade das células cancerígenas para digerir a matriz de colagénio e desenvolver um método de o controlar. Para isso os investigadores usaram frascos específicos onde incluíram partiçoes feitas de colagénio similar aquele que envolve as células humanas.

Na câmara superior de alguns dos frascos eles incubaram células cancerígenas com agentes nutritivos. Na mesma câmara de outros frascos eles incubaram células cancerígenas sem agentes nutritivos. Depois, os investigadores puderam determinar que grupo de células cancerígenas foi capaz de digerir a membrana de colagénio e passar para a câmara inferior do frasco.

Os resultados deste experimento foram notáveis. Uma simples combinaçao de nutrientes foi capaz de deter as células cancerígenas de invadir a barreira de colagénio artificialmente criada! A combinaçao de nutrientes mais forte criada contém vitamina C, os aminoácidos L-lisina e L-prolina, e a fracçao polifenol do chá verde chamada de EGCG = Epigalocatequina Galáte.

Publicaçao científica sobre os nutrientes e o cancro
Leia mais sobre a saúde celular